Os deputados federais pelo Estado de Roraima juntos em 2017 gastaram da Cota para Exercício de Atividade Parlamentar  Cotão) R$ 3.986.740,51 em 2017. A deputada Maria Helena Veronese (PSB) liderou o ranking de gastos com o valor de R$ 533.581,81 e em último ficou Abel Galinha (DEM), com o total de R$ 447.937,47.

As despesas estão previstas em lei e compreendem: manutenção de escritório de apoio à atividade parlamentar, telefonia, serviços postais, locação e fretamento de veículos automotores, fornecimento de alimentação do parlamentar, combustíveis e lubrificantes, divulgação da atividade parlamentar, serviço de segurança prestado por empresa especializada e emissão de bilhete aéreo.

Na lista de despesas dos oito parlamentares Remídio Monai (PR) está em segundo, com R$ 528.580,72 em gastos da cota, em terceiro está Carlos Andrade (PHS) com R$514.632,64, em seguida Johnathan de Jesus (PRB) com R$ 505.903,08, Édio Lopes (PR), R$ 500.074,10, Hirán Gonçalves (PP), com R$ 484.221,88 e Shéridan de Anchieta (PSDB) com o total de R$ 471.808,21.

A locação e fretamento de veículos automotores, divulgação de atividade parlamentar e emissão de bilhete aéreo são os itens em os deputados mais gastam, tudo pago com dinheiro público.Os dados divulgados estão disponíveis no portal da transparência da Cãmnara dos Deputdos  no  endereço eletrônico www.camara2.leg.br/transparencia.  

 

Foto: Divulgação