O senador Romero Jucá (MDB) perdeu ação contra passageira que o filmou dentro de um avião durante viagem, no dia 29 de novembro, do ano passado.

A passageira questionou a atuação de Jucá no Congresso. A situação incomodou tanto Jucá que o parlamentar tentou tomar o celular dela.

Apósóso episódio Jucá ingressou na justiça com queixa crime de calúnia, difamação e injúria contra Rubia Graziele de Souza Vegas. Na ocasião a mulher o acusou de acobertar irregularidades de colegas do parlamento e do governo Federal. O juiz Marcus Vinícius Reis Bastos, da 12ª Vara de Justiça do Distrito Federal rejeitou a denúncia alegando e decisão que qualquer cidadão tem o direito de questionar políticos.

 

Foto: Estadão