A herdeira da família fundadora do banco Credit Suisse, Roberta Luchsinger, afirmou ao jornal Folha de S. Paulo que fez uma doação pessoal no valor de 500 mil reais em dinheiro, joias e objetos de valor ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo ela, o petista pode usar os recursos “conforme as necessidades dele”.

Segundo informações publicadas nesta sexta-feira (11), Roberta decidiu lançar um movimento de apoio financeiro ao petista depois que o juiz Sergio Moro bloqueou os bens do ex-presidente e estabeleceu uma multa de 16 milhões de reais no âmbito da Operação Lava Jato.

Ainda de acordo com a publicação, se convidada, a herdeira do banco suíço estaria disposta a participar da caravana de Lula pelo país. A viagem deve começar no dia 17 de agosto pela Bahia e levará 21 dias até chegar ao Maranhão.

Ao jornal ela também afirmou que pretende se lançar candidata a deputada estadual pelo PCdoB na disputa eleitoral de 2018.

 

Fonte: Exame e Folha de S.Paulo

 

Foto:  Ueslei Marcelino/Reuters